quarta-feira, 9 de novembro de 2011

basicamente teórico

Tem cinco chaves no meu chaveiro: uma do carteiro; uma do portão de vidro; uma do portão de ferro; uma da cozinha e outra da sala, por onde costumo entrar. A chave da sala e da cozinha são idênticas, mas sempre tento abrir a porta da sala com a chave da cozinha. Já pensei em marcar a chave certa, mas não é do meu interesse acabar com a única coisa que está dando certo, ou seja, a teoria de que tudo dá errado.

Nenhum comentário: